É a hora certa para mudar de emprego?

\"hora

É a hora certa para mudar de emprego?

Sempre digo aos meus clientes que o melhor momento para pesquisarmos vagas é quando estamos empregados, e o motivo é muito simples: conseguimos ser mais racionais na escolha. Além disso, é possível ter uma visão mais clara sobre o mercado de trabalho em relação às ofertas de remuneração e exigências de conhecimento.

E, como diz o ditado: – “Quem procura acha.”, por isso, você precisa ter certeza se é o melhor momento para mudar de emprego, mas, para não sofrer com essa dúvida, nem ficar postergando uma decisão por meses, anos ou, de repente, ser surpreendido por uma dispensa, é importante estar atento à alguns indícios que nos mostram a chegada desta hora. Contudo, cuidado para não confundi-la com situações adversas que fazem parte do ambiente organizacional e muitas vezes indicam a necessidade de você desenvolver sua Inteligência Emocional.

Observe calmamente os exemplos a seguir e reflita se eles estão presentes em sua vida profissional.

Situações A
Que indicam o momento de uma mudança de emprego:

\"mudando

1. Sua carreira está estagnada, ou seja, não lhe agrega novos conhecimentos, nem desafios.
2. Você conversou com seu gestor e soube que não existe possibilidade de uma mudança de função ou área.
3. Você discorda da maioria das decisões do seu superior e só as coloca em prática por respeito hierárquico, mas se sente mal com isso.
4. Você não se interessa pelos assuntos da empresa, não a admira, nem se sente parte dela.
5. Diariamente você executa suas funções e espera ansiosamente pelo fim do dia.
6. Você pesquisou em tabelas salariais e identificou que sua remuneração é inferior ao mínimo praticado pelo mercado no seu cargo. Tentou negociar um ajuste com sua empresa, mas não foi bem sucedido.

 Situações B
Que indicam o momento de uma mudança em você:

\"mudança

1. A empresa está passando por mudanças e isso tem impactado em suas tarefas, tornando seu cotidiano estressante.
2. Você tem um novo gestor e as diferenças entre ele e o antigo tem lhe incomodado.
3. Alguém com menos tempo de casa foi promovido e você se sente injustiçado.
4. Você recebeu um feedback de melhoria no qual discorda totalmente.
5. Você ganhou novas responsabilidades e se sente inseguro ao realizá-las.
6. Você teve um conflito com um colega de trabalho e agora se sente excluído ou com dificuldade para interagir com o mesmo novamente.

Apesar das situações A e B se tratarem de conflitos, note que todos os seis primeiros casos, para serem resolvidos precisariam de uma mudança na empresa, em seus processos ou diretrizes. Vale ressaltar que, mesmo sendo conflitos para um funcionário, não significa que estejam errados do ponto de vista organizacional. Por isso, a ação adequada é procurar uma empresa que tenha aderência às suas expectativas atuais, encerrando este ciclo de forma saudável.

Infelizmente, algumas pessoas com medo da mudança, postergam demais essa decisão, o que acaba refletindo negativamente em seu desempenho, ocasionando uma dispensa e um histórico negativo em seu currículo.

Já nas situações B, os conflitos podem ser resolvidos a partir de mudanças comportamentais, pois mesmo que o profissional trocasse de empresa, provavelmente em médio prazo, casos semelhantes fizessem parte de sua rotina. Portanto, a solução está na evolução da sua capacidade de resiliência.

Sendo assim, lembre-se: a vida é repleta de ciclos, cada um deles nos prepara para próxima fase, então, não tenha medo de fechá-los e seja sábio para perceber este momento!

E, para encerrar, trago abaixo duas frases que se encaixam perfeitamente ao nosso tema da semana:

“Quando a dor de não estar vivendo for maior que o medo da mudança, a pessoa muda!”
(Sigmund Freud).

“Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes.”
(Albert Einstein).

Espero que esse material possa contribuir com sua reflexão!
Dê a sua opinião e dicas de outros temas que sejam do seu interesse e que queira ver por aqui.

Fique de olho em nossos cursos e curta a nossa empresa nas redes sociais!

Veja AQUI a agenda dos próximos cursos e se programe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima
×